Os benefícios do controle de ponto digital fazem valer o custo? Conheça como essa tecnologia muda ambientes de trabalho!

As atividades do setor de recursos humanos de uma empresa vão muito além das demissões e contratações: treinamentos, organização da carreira, elaboração de estratégias inclusivas e claro, o controle de ponto e eficiência dos funcionários são tarefas cruciais para aumentar a satisfação, os resultados, e otimizar a dinâmica de uma empresa.

O controle de ponto é uma tarefa importante, pois é através dela que podemos conhecer a jornada de trabalho dos colaboradores, monitorar suas faltas, atrasos, férias, entre outras atividades que podem influenciar diretamente no pagamento e decisões estratégicas da empresa. Isso não quer dizer, no entanto, que o controle de ponto seja uma tarefa autoritária e punitiva, e muito menos que o método de controle de ponto tradicional já seja o suficiente. O controle de ponto garante os direitos da empresa, dos funcionários, das equipes, e pode trazer um impacto positivo para todos – por isso, faz parte obrigatória da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Não é de se surpreender, portanto, que tecnologias de controle de ponto eletrônico já estejam disponíveis no mercado, com diversos métodos e funcionalidades. Mas será que vale a pena investir em uma plataforma de ponto digital? Os benefícios justificam os custos? Confira.

Navegue e entenda mais sobre o uso do controle de ponto virtual

controle de ponto digital

Métodos para controle de ponto

Diversas tecnologias e ferramentas para o controle de ponto estão disponíveis e são utilizadas diariamente por empresas no Brasil. É importante lembrar que normas e portarias definem as regras para o controle de ponto em empresas, como a lei 7.855, que tipifica o controle eletrônico. Manter-se atualizado pode evitar muitas dores de cabeça, mas ao implementar qualquer sistema novo, é importante consultar uma assessoria especializada para evitar erros legislativos. Medidas de segurança digital como o uso de uma VPN podem ajudar a combater problemas futuros.

Embora ainda seja possível encontrar todos os tipos de métodos para controle de ponto ao longo do país, é possível ver uma clara evolução em suas vantagens e desvantagens:

  • Folha de ponto: a folha de ponto, também conhecida como livro de registros, é literalmente um caderno, fichário ou outra forma de escrita onde é registrado manualmente o horário de chegada de cada funcionário, através de um porteiro, recepcionista, ou assinatura de próprio punho. Ao fim do mês, o setor de RH deve recolher as informações. Aqui, a principal desvantagem é a vulnerabilidade dos dados que podem ser perdidos, rasurados, queimados, adulterados ou destruídos, fora a inconveniência de precisar manualmente agregar todas as informações e guardá-las em algum armário.
  • Ponto mecânico ou cartográfico: muito representado na mídia televisiva, o ponto mecânico é aquele na qual cada funcionário, ao chegar na empresa, insere seu cartão pessoal na máquina e “carimba” seu ponto, automaticamente registrando sua chegada e horário. Embora mais eficiente que a folha de ponto, o sistema ainda é vulnerável a muitos problemas e golpes, e os dados precisam ser copiados manualmente ao fim do mês.
  • Registrador eletrônico: com o registrador eletrônico, ao invés de um cartão pessoal, os funcionários podem utilizar uma senha, impressão digital, reconhecimento facial ou outro mecanismo de autenticação para bater o ponto. Essas ferramentas precisam operar em conjunto com um sistema de dados na empresa, ou seja, não são independentes.
  • Ponto digital: também chamado de ponto alternativo, é a forma mais moderna de controle de ponto. Aqui uma plataforma em nuvem pode oferecer o controle de ponto através de um site, aplicativo para celular, ou até mesmo relógio inteligente. O funcionário pode marcar seu horário manualmente ou automaticamente assim que pisa na empresa, e plataformas avançadas oferecem até mesmo monitoramento do volume de pessoas dentro do ambiente.

Controle de ponto digital vale a pena?

O controle de ponto eficiente e automatizado não apenas se limita à facilidade de monitorar o pagamento dos funcionários, mas traz uma série de benefícios para diversos aspectos de uma empresa:

Relatórios e indicadores

Em dados registrados e gerenciados manualmente, é necessário muito esforço para extrair informações relevantes que permitam a tomada de ações globais. Raramente uma folha de ponto serve para melhorar a dinâmica da empresa, geralmente sendo guardada apenas para emergências.

Já com o controle digital e automatizado é possível verificar em tempo real gráficos, informações em destaque, relatórios inteligentes e indicadores que podem ser a peça chave para entender melhor o funcionamento da empresa e tomar decisões mais relevantes.

Controle de jornada

Embora todo sistema de controle de ponto tenha, por definição, o objetivo de monitorar a jornada dos funcionários, um sistema digital é capaz de destacar (a qualquer momento) funcionários com muitas faltas, ou com muitos pedidos de hora extra, ou com quaisquer variações em relação ao grupo.

Isso permite que o gestor rapidamente identifique a situação, podendo tomar atitudes junto ao funcionário de forma pessoal e direta. Isso permite que o departamento de RH identifique funcionários que estejam sob pressão financeira, sobrecarregados, ineficientes ou precisando de reajustes.

Automatização e compliance

As plataformas digitais ainda oferecem a vantagem de minimizar e automatizar muitos dos trabalhos relacionados ao controle de ponto: o sistema garante que a empresa estará armazenando e processando os dados conforme as diretrizes da legislação brasileira, e o backup dos dados é feito de forma automática, inclusive fornecendo os dados necessários durante a etapa de pagamento.

Como em quase todas as indústrias, as tecnologias digitais quando usadas de forma inteligente podem transformar e otimizar até mesmo as tarefas mais repetitivas do cotidiano de uma empresa. O controle digital de ponto é uma forma de garantir a eficiência e segurança do trabalho e vale a pena em 2021. Confira também: Absentismo, o que é, como calcular, e como diminuir.

Este artigo foi produzido pela equipe do blog da Techwarn, onde você encontra conteúdos ricos sobre tecnologia e mais!